Com o Auxílio Emergencial 2021 aprovado, muitos cidadãos estão com dúvidas em relação à extensão do benefício.

Por isso, reunimos as principais questões sobre esse assunto para você saber se possui ou não esse direito.

Além das dúvidas mais comuns, você sabia que é possível transferir o seu auxílio para sua conta PagBank? Aproveite as vantagens de um banco completo e grátis na palma da sua mão. Pelo super app, você gerencia sua grana, faz investimentos, usa o QR Code para fazer pagamentos, contrata o PagBank Saúde e muito mais.

Aproveite a sua conta e descubra tudo que é dito sobre o Auxílio Emergencial 2021.

Confira mitos e verdades sobre o Auxílio Emergencial 2021!

 

Como fica o Auxílio Emergencial 2021?

A PEC Emergencial (PEC 186/2019) foi aceita pelo Congresso e, com isso, o Governo Federal realizará os pagamentos a partir do mês de abril. Este ano, o auxílio vai ser pago em 4 parcelas mensais com valores reduzidos em comparação ao ano anterior.

Veja os novos valores disponibilizados aos beneficiários:

  • Parcela de R$ 150 para pessoas que moram sozinhas;
  • Parcela de R$ 250 para famílias de baixa renda com dois integrantes ou mais;
  • Parcela de R$ 375 para mães solteiras.

Não só o valor disponibilizado foi reduzido, como o Auxílio Emergencial 2021 vai ser limitado para apenas um membro da família, com isso menos pessoas vão acabar recebendo o benefício.

Porém, há uma movimentação por parte de alguns estados para que esses valores aumentem. Aproximadamente, 19 governantes defendem a necessidade de R$ 600 para o Auxílio Emergencial 2021.

 

Auxílio Emergencial 2021: o que é verdade e o que não é?

Só quem recebeu em 2020 vai poder receber em 2021?

VERDADE – O Auxílio Emergencial 2021 será disponibilizado apenas para beneficiários que receberam o auxílio em dezembro de 2020. Inscritos no CadÚnico ou no Bolsa Família não precisam atualizar os seus cadastros, já o restante das pessoas devem realizar a renovação, pois o Ministério da Cidadania fará um pente fino nos pedidos para avaliar quem realmente tem direito de receber o auxílio.

O valor total de gastos será contabilizado no teto federal

MITO – O investimento do Auxílio Emergencial em 2021 será de R$ 44 bilhões, este valor não será contabilizado dentro do teto de gastos federal. A PEC Emergencial permite ao governo pagar o auxílio em 2021 por fora do teto, sem atingir o limite de endividamento do governo federal.

O Auxílio está mais rigoroso e não dá margem para irregularidades

VERDADE – Um dos motivos que tornou o Auxílio Emergencial 2021 limitado foi justamente o fato de que foi preciso cortar pessoas irregulares que estavam recebendo o benefício, isto é, aqueles que não cumprem com os requisitos para receber a contribuição. Ano passado receberam o auxílio cerca de 65 milhões de cidadãos, já para este ano a proposta é oferecer o benefício para menos de 40 milhões de pessoas.

A Caixa Econômica vai funcionar em horário especial

VERDADE – Cerca de 700 agências da Caixa Econômica podem vir a funcionar nos sábados, isso acontecerá após a regulamentação de um decreto em abril. Como uma forma de evitar aglomerações e agilizar o processo, as agências poderão funcionar das 8h às 12h. No ano passado, este esquema foi vigente por 22 semanas.

Beneficiários do Bolsa Família irão receber valores diferentes

MITO –  Os valores de todos os beneficiários serão os mesmos e só terão diferença entre si de acordo com as características de cada pessoa , se mora sozinho, se mora em família ou se é mãe solteira. Apesar das datas para receber o auxílio serem diferentes para os beneficiários do Bolsa Família, o valor permanece o mesmo recebido pelos demais.

Não é obrigatório atualizar o Aplicativo Caixa Tem para receber o Auxílio Emergencial 2021

VERDADE – A atualização de cadastro no aplicativo Caixa Tem começou no dia 14 de março e se encerra no dia 31 do mesmo mês. Apesar da recomendação de renovação, não é obrigatório atualizar os dados para receber o Auxílio Emergencial 2021. A Caixa Econômica garante que ninguém ficará sem seu o auxílio caso não tenha atualizado o aplicativo.

 

FONTE: https://blog.pagseguro.uol.com.br/auxilio-emergencial-2021-mitos-e-verdades-sobre-o-novo-pagamento/